Início do conteúdo

Campus Viamão do IFRS realiza a formatura do primeiro curso superior público ofertado na cidade


No dia 6 de setembro de 2019, às 19h, o Campus Viamão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) realizou a colação de grau de 15 estudantes do curso de Tecnologia em Processos Gerenciais. A data marca a história do campus com a formatura do primeiro curso superior público ofertado na cidade de Viamão.

Compuseram a mesa de honra o representante do reitor do IFRS, Júlio Heck, o pró-reitor de Ensino do IFRS, Lucas Coradini, o diretor-geral do Campus Viamão do IFRS, Alexandre Vidor e a coordenadora do curso e paraninfa, Priscila Esteves.

Em suas falas, as oradoras da turma, Estela Arruda e Franciele Möller agradeceram pelo acolhimento dos servidores do campus. “A profissão de vocês, o trabalho que vocês realizam diariamente, apesar de todas as dificuldades e todos os contratempos, realmente tem o poder de transformar o mundo, e podem ter certeza que vocês transformaram as nossas vidas”, afirmou Estela.
“Ouvimos constantemente que o Instituto Federal mudou a vida de algum aluno, e na nossa turma não foi diferente. Nós todos usufruímos do direito de estudar em uma instituição pública e tivemos um ensino gratuito, e o melhor: de qualidade”, complementou Franciele.

Durante o discurso a paraninfa falou sobre a trajetória dos formandos durante o curso. “É a conclusão de um ciclo com excelência. Foram dois anos e meio em que muitos realmente viveram o Instituto Federal e apresentaram trabalhos em mostras técnicas em Osório, Porto Alegre, Canoas, Alvorada Bento Gonçalves, Brasília, Natal e Canadá. Passando por viagens técnicas por Buenos Aires e até Intercâmbio em Portugal. Muitos foram bolsistas de Ensino, Pesquisa e Extensão, organizaram uma Semana Acadêmica exemplar, fizeram um esforço gigante para conseguir doações na gincana solidária e ganharam inúmeras oportunidades de trabalho e estágio”, destacou Priscila.

Segundo o diretor-geral, os Institutos Federais assumem o papel de verdadeiras incubadoras de políticas sociais, pois constroem uma rede de saberes que entrelaça cultura, trabalho, ciência e tecnologia, em favor da sociedade. Vidor fez um pedido aos formandos: “Divulguem tudo que aprenderam aqui. E reafirmem que é possível ter uma escola pública de qualidade e comprometida, pois somos instrumento transformador da sociedade com igualdade social e cidadania”, salientou.

Para o pró-reitor, o Campus Viamão é uma das unidades do IFRS que melhor representa a finalidade dos institutos federais. “Um campus que possui uma relação com a comunidade que é ímpar. E que cumpre o propósito de ser um agente de desenvolvimento dos arranjos sociais, culturais e produtivos locais”.
Coradini lembrou do esforço que foi feito para que todo esse trabalho hoje se concretizasse com o sucesso e a formatura dos estudantes. “Há pouco tempo estávamos implantando o Campus Viamão, nós sabemos o quanto foi duro esse trabalho e que ele só foi possível com o engajamento e o comprometimento dessa equipe de servidores”.

Estiveram presentes: o coordenador de Registros Acadêmicos, Dário Bezerra, a pró-reitora adjunta de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação, Marilia Bossle, o patrono da turma, professor Henrique Ramos e as professoras homenageadas, Luíza Bortoli e Maíra Vieira, servidores do campus, amigos e familiares dos formandos. O juramento institucional foi lido pelo formando Guilherme Bernardino. A sessão solene ocorreu no Tecna – Centro Tecnológico Audiovisual do RS e contou com a participação do estudante do curso superior de Tecnologia em Processos Gerenciais do Campus Viamão do IFRS, Julio Rolhano, como cerimonialista.

Fim do conteúdo