Início do conteúdo

Orientação Estudantil


Apresentação

A Orientação Estudantil é um setor  que compõe a Gestão de Ensino do Campus Restinga. É responsável pelo acompanhamento individual do estudante, visando o seu desenvolvimento integral, acadêmico e cidadão, como também pela promoção de uma cultura  de paz  em todos os espaços da instituição. 

 

Equipe

Lucas Maciaseki da Silva (Currículo Lattes) – Técnico em Assuntos Educacionais

Priscila Vieira Bastos (Currículo Lattes) – Técnica em Assuntos Educacionais

Tiane Pacheco Lovatel (Currículo Lattes)  – Técnica em Assuntos Educacionais

 

Contato: orientacao.estudantil@restinga.ifrs.edu.br

 

São atribuições da Orientação Estudantil: 

1. Participar das reuniões de colegiado dos cursos, em todos os níveis e modalidades, articulando o diálogo sobre os processos educativos e acompanhamento do estudante;

2. Contribuir no processo de elaboração das matrizes curriculares;

3. Acolher o estudante, em relação às suas demandas da trajetória acadêmica; encaminhando-o para outros profissionais e/ou setores, quando necessário;

4. Participar do processo de integração escola-família-comunidade;

5. Elaboração e acompanhamento do Edital para distribuição dos armários aos estudantes;

6. Organizar e planejar os estudos junto aos estudantes;

  1. Você sabe como organizar seus estudos?

7. Participar da construção dos Planos de Ensino Individualizados (PEI) para estudantes com necessidades educacionais específicas (NEE), conforme  INSTRUÇÃO NORMATIVA PROEN Nº 07, DE 04 DE SETEMBRO DE 2020.

    1. Realizar entrevistas com: a família, o estudante e a escola pregressa do estudante;
    2. Acompanhar o desenvolvimento do PEI.

8. Coordenar e organizar  o processo de escolha de representação discente (líder) e docente (professor conselheiro) das turmas de ensino médio integrado (modalidade regular e EJA), planejando e acompanhando os processos avaliativos, bem como as relações de convivência no coletivo;

Acesse aqui a planilha de Representantes Discentes e Docentes Conselheiros por turma

    1. Desenvolver práticas democráticas, representativa e participativa, nos estudantes por meio de processo eleitoral e de vivência de discussões e eleição de prioridades para o coletivo;
    2. Desenvolver o pensamento crítico  nos educandos, dialogando para que realizem intervenções em situações de aluno com a turma, a turma com docente, ou a turma com a escola.
    3. Professor(a) Conselheiro(a) de turma:
      • Cada turma deverá escolher um professor (a);
      • O(A) professor(a) exercerá esta função docente em uma única turma, semestral (EJA) ou anualmente (médio integrado);
      • Representar a turma, ouvindo as suas demandas, administrativas e pedagógicas,  e encaminhá-las aos setores competentes;
      • Diálogo frequente com o líder da turma, promovendo a formação de liderança estudantil e representação discente;
      • Criar um espaço de discussão sobre temas de interesse da turma;
      • Estabelecer vínculo entre a turma e a instituição, dialogando sobre as políticas institucionais e informações pertinentes à turma sobre o bom andamento das atividades e relacionamento no campus;
      • Realizar a interlocução entre a turma e a OE para superar dificuldades pedagógicas e interrelacional;
      • Participar das reuniões do grupo de conselheiros contribuindo para a construção da identidade do professor conselheiro;
      • Acompanhar o desenvolvimento acadêmico global da turma, participando das reuniões de autoavaliação da turma e dos conselhos de classe;
      • Participar das reuniões com as famílias e entregas de boletim de rendimento acadêmico, orientando sobre perspectivas a partir dos conselhos de classe.
    4. Representante discente 
      • Cada turma deverá escolher dois colegas para ser o representante da turma, o(a) líder e o(a) vice-líder  respectivamente;
      • Os representantes de turma têm a responsabilidade de escutar as demandas do coletivo, independente de sua opinião individual, e encaminhar ao conselho de classe ou setores responsáveis;
      • Ter conduta adequada às normas da escola, e representar a turma perante a escola e nos fóruns de autoavaliação e conselho de classe;
      • Dialogar sempre com o(a) professor(a) conselheiro(a) a fim de promover um espaço de boa convivência e de outras perspectivas de visão de mundo;
      • Incentivar a participação democrática de todos da turma, organizar as demandas para dar os encaminhamentos necessários, acionando a OE, o professor(a) conselheiro(a) para questões pedagógicas e os setores da área competente.

9. Avaliação inicial de manifestações docentes sobre caso de possível  plágio.

    1. Fluxo para avaliação e inserção no sistema;
    2. Formulário para encaminhamento à OE de possíveis casos de plágio 
    3. Quer algumas dicas para fazer o seu TCC? Clique nos links abaixo:

 

Solicitações ao setor

Última atualização em 19/10/2022

Fim do conteúdo