Início do conteúdo

Fluxo Contínuo


É a modalidade de atividade de extensão universitária que visa aplicação e socialização para a comunidade interna e externa, com práticas e descobertas científicas, realização de ações como: projetos, cursos, palestras, prestação de serviços e treinamentos de média e longa duração.

 

AÇÕES DE 2023

 

CURSOS

 

Técnicas Básicas de Costura

Coordenadora: Giovana de Borba

Resumo da Proposta: O desenvolvimento regional é uma das missões dos Institutos Federais, a oferta de cursos de extensão é um dos meios de proporcionar a capacitação que necessária para alavancar o desenvolvimento regional. Este curso visa introduzir a aprendizagem de costura, por meio de teoria e prática. Com técnicas básicas, de costura em maquina reta e overlok. Focando em artesanatos de Páscoa, itens de decoração e reformas variadas conforme a demanda dos alunos. Espera-se assim, permitir a sua inserção no mundo do trabalho ou a obtenção de renda extra, e assim estimular a cidadania e autoestima com vistas ao desenvolvimento regional.

 

Gestão Pública

Coordenador: Eduardo Fernandes Sarturi

Resumo da Proposta: A qualificação do grupo de servidores de uma instituição é algo fundamental para a eficiência e eficácia de qualquer organização, seja ela pública ou privada. Segundo Gonçalves (2013), em decorrência das intensas transformações sociais, o Estado encontra-se sobrecarregado em suas atividades e muitas vezes acaba tendo dificuldades em atender às reais necessidades da população, as quais devem ser geridas pela Administração Pública. A mesma autora ainda afirma que este fato exige dos administradores da coisa pública uma nova
postura de administrar, que seja mais responsável e que sejam buscados com emprego de meios mais eficientes, sem desperdício de tempo e de recursos públicos. Neste sentido, a qualificação dos gestores contribui para que os mesmos possam estar refletindo sobre suas práticas, agregando novos conhecimentos e consequentemente, melhorando os serviços prestados à comunidade.
Nesta perspectiva, o presente projeto pretende contribuir para a atualização dos profissionais que atuam na Câmara de Vereadores e Prefeitura Municipal de Erechim, em temas relacionados à Gestão Pública nos mais variados aspectos, envolvendo a discussão de conceitos e a reflexão sobre suas práticas diárias, de modo a contribuir com a melhoria das suas atividades, da imagem pública e do atendimento às necessidades da sociedade, trazendo benefícios tanto para o servidor, quanto para órgão público que ele representa e para a comunidade como um todo.

 

Gestão e Liderança

Coordenador: Eduardo Fernandes Sarturi

Resumo da Proposta: A proposta se refere à disponibilização de um curso de atualização para os servidores do executivo municipal após demanda da Prefeitura do município. Nesse sentido, a qualificação do grupo de servidores de uma instituição é algo fundamental para a eficiência e eficácia de qualquer organização, seja ela pública ou privada. Sendo assim, a qualificação dos gestores contribui para que os mesmos possam estar refletindo sobre suas práticas, agregando novos conhecimentos e consequentemente, melhorando os serviços prestados à comunidade. Ademais, a oferta deste curso vem ao encontro de uma necessidade demandada pela comunidade externa, como foi dito anteriormente, nesse caso a Prefeitura Municipal, e pretende contribuir para a atualização dos profissionais que atuam no executivo de Erechim em temas relacionados à gestão e a formação de líderes, permitindo-lhes a compreensão e reflexão sobre suas práticas
diárias, de modo a contribuir para a melhoria das suas atividades, da imagem pública e do atendimento às necessidades da sociedade, trazendo benefícios tanto para o servidor, para órgão público, e especialmente, o foco principal que é o munícipe, objetivo primordial de qualquer administração pública.

 

Assistente Administrativo – Educação Para O Trabalho I e II

Coordenador: Marcos Antonio Cezne

Resumo da Proposta: Apoiado na Lei No. 10.097/2000, o programa de aprendizagem profissional conhecido como Projeto Jovem Aprendiz apresenta aspectos distintos por tratar-se de uma capacitação de profissionais com características específicas, onde é possível aliar os estudos com uma jornada de trabalho compatível, permitindo a muitos jovens a experiência do primeiro emprego em condições favoráveis ao seu desenvolvimento físico, psicológico e moral. Assim, o programa de aprendizagem profissional proporciona a formação de uma mão-de-obra
qualificada tanto para o presente como para o futuro das empresas e do País. A aprendizagem profissional no âmbito do SEST SENAT, deixou de ser somente uma obrigação legal e tornou-se uma ação de responsabilidade social, capaz de promover a cidadania, criando novas oportunidades para os jovens por meio de sua profissionalização. Contribui para a inclusão social dos jovens entre 14 e 24 anos, mantem um processo de aprendizagem que oportuniza o desenvolvimento de atitudes e habilidades que favorecem a inserção do jovem no mercado de trabalho e beneficia diretamente as empresas contribuintes do setor de transporte com a qualificação de seus colaboradores. Assim, o SEST SENAT com o objetivo de intensificar o desenvolvimento profissional e a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores do setor de transporte e de seus dependentes, apresenta o curso Assistente Administrativo em Transporte, visando a melhoria na qualificação e a ampliação do número de profissionais capacitados disponíveis ao mercado de trabalho.

 

Panificação e Confeitaria

Coordenadora: Valeria Borszcz

Resumo da Proposta: Cursos teóricos e práticos preparam cidadões para a inserção no mercado de trabalho, bem como na melhora da qualidade de produtos e serviços ofertados pelos empreendimentos de diferentes áreas. Frente a isso, pretende-se ministrar oficinas teóricas e práticas de Panificação e Confeitaria com o intuito de atender a demanda vinda da Prefeitura de Erechim, que necessita oferecer cursos de qualificação e aperfeiçoamento para a comunidade. Temas como boas práticas de fabricação e elaboração de pães, bolos e folhados serão
trabalhados por profissionais da área de alimentos, durante um período de 20 horas de curso. Serão abertas 15 vagas à comudade e as atividades serão realizadas nas dependências do Bloco 3 do IFRS – Campus Erechim, seguindo as normas para alimentos seguros. Pretende-se com essa ação atender a demanda da comunidade e contribuir diretamente para a melhoria da qualidade de vida das pessoas.

 

Costura industrial básica: máquinas reta e overloque

Coordenadora: Vania Goellner dos Santos Fante

Resumo da Proposta: A Integração entre a Prefeitura Municipal de Erechim e o Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) – campus Erechim visa através da oferta de cursos de costura industrial básica qualificar pessoas interessadas em trabalhar com a confecção de artigos do vestuário e inserir estes profissionais no mercado de trabalho para que assim hajam novas perspectivas de geração de renda e fortalecimento do setor de vestuário na região do Alto Uruguai.

 

Assistente Administrativo – Iniciação Profissional

Coordenador: Marcos Antonio Cezne

Resumo da Proposta: Apoiado na Lei Nº. 10.097/2000, o programa de aprendizagem profissional conhecido como Projeto Jovem Aprendiz apresenta aspectos distintos por tratar-se de uma capacitação de profissionais com características específicas, onde é possível aliar os estudos com uma jornada de trabalho compatível, permitindo a muitos jovens a experiência do primeiro emprego em condições favoráveis ao seu desenvolvimento físico, psicológico e moral. Assim, o programa de aprendizagem profissional proporciona a formação de uma mão-de-obra qualificada tanto para o presente como para o futuro das empresas e do País. A aprendizagem profissional no âmbito do SEST SENAT, deixou de ser somente uma obrigação legal e tornou-se uma ação de responsabilidade social, capaz de promover a cidadania, criando novas oportunidades para os jovens por meio de sua profissionalização. Contribui para a inclusão social dos jovens entre 14 e 24 anos, mantem um processo de aprendizagem que oportuniza o desenvolvimento de atitudes e habilidades que favorecem a inserção do jovem no mercado de trabalho e beneficia diretamente as empresas contribuintes do setor de transporte com a qualificação de seus colaboradores. Assim, o SEST SENAT com o objetivo de intensificar o desenvolvimento profissional e a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores do setor de transporte e de seus dependentes, apresenta o curso Assistente Administrativo em Transporte, visando a melhoria na qualificação e a ampliação do número de profissionais capacitados disponíveis ao mercado de trabalho.

 

Assistente Administrativo – Específico I

Coordenador: Marcos Antonio Cezne

Resumo da Proposta: Apoiado na Lei Nº. 10.097/2000, o programa de aprendizagem profissional conhecido como Projeto Jovem Aprendiz apresenta aspectos distintos por tratar-se de uma capacitação de profissionais com características específicas, onde é possível aliar os estudos com uma jornada de trabalho compatível, permitindo a muitos jovens a experiência do primeiro emprego em condições favoráveis ao seu desenvolvimento físico, psicológico e moral. Assim, o programa de aprendizagem profissional proporciona a formação de uma mão-de-obra qualificada tanto para o presente como para o futuro das empresas e do País. A aprendizagem profissional no âmbito do SEST SENAT, deixou de ser somente uma obrigação legal e tornou-se uma ação de responsabilidade social, capaz de promover a cidadania, criando novas oportunidades para os jovens por meio de sua profissionalização. Contribui para a inclusão social dos jovens entre 14 e 24 anos, mantem um processo de aprendizagem que oportuniza o desenvolvimento de atitudes e habilidades que favorecem a inserção do jovem no mercado de trabalho e beneficia diretamente as empresas contribuintes do setor de transporte com a qualificação de seus colaboradores. Assim, o SEST SENAT com o objetivo de intensificar o desenvolvimento profissional e a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores do setor de transporte e de seus dependentes, apresenta o curso Assistente Administrativo em Transporte, visando a melhoria na qualificação e a ampliação do número de profissionais capacitados disponíveis ao mercado de trabalho.

 

Assistente Administrativo – Específico II

Coordenador: Marcos Antonio Cezne

Resumo da Proposta: Apoiado na Lei Nº. 10.097/2000, o programa de aprendizagem profissional conhecido como Projeto Jovem Aprendiz apresenta aspectos distintos por tratar-se de uma capacitação de profissionais com características específicas, onde é possível aliar os estudos com uma jornada de trabalho compatível, permitindo a muitos jovens a experiência do primeiro emprego em condições favoráveis ao seu desenvolvimento físico, psicológico e moral. Assim, o programa de aprendizagem profissional proporciona a formação de uma mão-de-obra qualificada tanto para o presente como para o futuro das empresas e do País. A aprendizagem profissional no âmbito do SEST SENAT, deixou de ser somente uma obrigação legal e tornou-se uma ação de responsabilidade social, capaz de promover a cidadania, criando novas oportunidades para os jovens por meio de sua profissionalização. Contribui para a inclusão social dos jovens entre 14 e 24 anos, mantem um processo de aprendizagem que oportuniza o desenvolvimento de atitudes e habilidades que favorecem a inserção do jovem no mercado de trabalho e beneficia diretamente as empresas contribuintes do setor de transporte com a qualificação de seus colaboradores. Assim, o SEST SENAT com o objetivo de intensificar o desenvolvimento profissional e a melhoria da qualidade de vida dos trabalhadores do setor de transporte e de seus dependentes, apresenta o curso Assistente Administrativo em Transporte, visando a melhoria na qualificação e a ampliação do número de profissionais capacitados disponíveis ao mercado de trabalho.

 

Modelagem Digital (Audaces e Optitex)

Coordenadora: Rosiane Serrano

Resumo da Proposta: O curso de Modelagem Digital (Audaces e Optitex) tem como objetivo qualificar profissionais para atuar nas indústrias de vestuário, nos setores de modelagem e encaixe digital. Para tanto serão desenvolvidas atividades de construção de planos básicos de modelagem, interpretação e encaixes digitais, em softwares diferentes. O curso será presencial, com carga horária total de 24 horas. Observa-se que o curso foi desenvolvido a partir de uma demanda local por profissionais com estes conhecimentos, pois a região possui um conjunto de indústrias de confecção, as quais estão organizadas em Arranjo Produtivo Local – APL denominado Polo Vest. Ademais, cabe salientar que o IFRS – Campus Erechim oferece cursos regulares de nível técnico, superior e pós-graduação na area de Moda e Vestuário, sendo os cursos de Formação Inicial e Continuada meios para promoção e divulgação da instituição.

 

Qualificar Erechim + Empregos – Curso de Compras

Coordenador: Julio Americo Faitão

Resumo da Proposta: Este projeto visa por meio de parceria entre a Prefeitura Municipal de Erechim e IFRS – Campus Erechim, por meio do programa “Qualificar Erechim + Empregos” provido pela Secretaria de Desenvolvimento Economico, Inovação e Turismo, proporcionar a qualificação da população erechinense em parceria com esta esta instituição de ensino.

Ainda o programa preve o desenvolvimento de conhecimentos na área de gestão de compras, que possibilitem ao discente atuar nos diversos processos e modalidades envolvidos na gestão de compras das organizações já atuantes ou que buscarão colocação no mercado de trabalho.

 

Qualificar Erechim + Empregos – Curso de Estoques

Coordenador: Marcos Antonio Cezne

Resumo da Proposta: Este projeto visa por meio de parceria entre a Prefeitura Municipal de Erechim e IFRS – Campus Erechim, por meio do programa “Qualificar Erechim + Empregos” provido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Inovação e Turismo, proporcionar a qualificação da população erechinense em parceria com esta instituição de ensino.

Ainda o programa prevê o desenvolvimento de conhecimentos na área de gestão de estoques, que possibilitem ao discente atuar nos diversos processos e modalidades envolvidos na gestão de estoques das organizações já atuantes ou que buscarão colocação no mercado de trabalho.

Ainda apresentar conceitos e técnicas de gestão de materiais e de patrimônio nas organizações, possibilitar conhecimento sobre técnicas de estocagens e sistemas de gestão de estoques, promover compreensão a respeito de sistemas e equipamentos de movimentação e armazenagem; Estabelecer relações entre a gestão de estoques, de armazenagem e a aplicação da logística das organizações.

 

Introdução a Libras e a Cultura Surda

Coordenadora: Márcia Maria Racoski

Resumo da Proposta: A Língua brasileira de Sinais- LIBRAS oficializada no Brasil pela Lei 10.436 de 24 de abril de 2002, é a Língua utilizada pela comunidade surda para comunicação entre surdos e surdos e surdos e ouvintes. Os surdos usuários desta língua frequentam diferentes espaços da sociedade e devem ter seu direito linguístico respeitado, desse modo evidencia-se a necessidade do uso e difusão dessa língua para efetiva inclusão dos sujeitos surdos. Sendo assim, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul, Campus Erechim, prevê a realização de atividades com objetivo de promover o uso e a difusão desta Língua tanto para alunos do campus quanto para a comunidade externa ao IFRS.

 

Curso de Introdução à Informática

Coordenadora: Wladia Raianny Melo Queiroz

Resumo da Proposta: Este curso é projetado para alunos do Centro de Educação de Jovens e Adultos (CEJA), que têm pouco ou nenhum conhecimento prévio em informática. Ele oferecerá uma introdução a prática ao mundo digital, focando em ferramentas essenciais e habilidades básicas que podem ser aplicadas na vida cotidiana.

 

Panificação e Confeitaria: turma 2

Coordenadora: Valeria Borszcz

Resumo da Proposta: Cursos teóricos e práticos preparam cidadões para a inserção no mercado de trabalho, bem como na melhora da qualidade de produtos e serviços ofertados pelos empreendimentos de diferentes áreas. Frente a isso, pretende-se ministrar oficinas teóricas e práticas de Panificação e Confeitaria com o intuito de atender a demanda proposta pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento econômico, inovações e turismo de Erechim, que solitou a realização de uma nova edição do curso de Panificação e Confeitaria. Temas como boas práticas de fabricação e elaboração de pães artesanais, pão de queijo, bolo, trufas, panetone e croissant serão trabalhados por profissionais da área de alimentos, durante um período de 20 horas de curso. Serão abertas 15 vagas à comudade e as atividades serão realizadas nas dependências do Bloco 3 do IFRS – Campus Erechim, seguindo as normas para alimentos seguros. Pretende-se com essa ação atender a demanda da comunidade e contribuir diretamente para a melhoria da qualidade de vida das pessoas.

 

Curso Enfeites de Natal 2023

Coordenadora: Fernanda Caumo Theisen

Resumo da Proposta: O desenvolvimento regional é uma das missões dos Institutos Federais, a oferta de cursos de extensão é um dos meios de proporcionar a capacitação que necessária para alavancar o desenvolvimento regional. Este curso visa qualificar os participantes para a criatividade e habilitar sua prática para o desenvolvimento de enfeites de natal artesanais. Espera-se assim, permitir a sua inserção no mundo do trabalho ou a obtenção de renda extra, e assim estimular a cidadania e autoestima com vistas ao desenvolvimento regional.

 

Técnicas de marketing aplicadas aos pontos de venda da agricultura familiar

Coordenador: Sidnei Dal Agnol

Resumo da Proposta: O curso irá trazer para os estudantes conhecimentos relacionado a boas práticas de marketing com foco nos pontos de venda da agricultura familiar, o objetivo é melhorar o conhecimento sobre técnicas de marketing entre os participantes, com isso, contribuir com a sustentabiliade dos pontos de comercialização. As vagas serão disponibilizadas para comunidade interna e extena, em especial para gestores, colaboradores e associados de cooperativas da agricultura familiar.

 

 

EVENTOS

 

Gênero e Maternidade: Quem cuida de quem cuida?

Coordenadora: Claudia Turik de Oliveira

Resumo da Proposta: O presente projeto tem como objetivo promover um espaço de escuta e acolhimento para entender as demandas individuais e coletivas de mulheres mães e oferecer informações e orientações fundamentadas na Psicologia Perinatal e Educação Parental. No formato de Palestra, integrado o movimento Maio Furta Cor, a ação abordará as seguintes temáticas: autocuidado como ferramenta de saúde mental, como identificar emoções e lidar com elas no cotidiano de cuidado com as crianças, lidando com a culpa, a transformando em autorresponsabilidade, maternidade possível – a desromantização da maternidade e o cuidar coletivo: a sociedade como co-responsável pelas crianças.

 

V Workshop de Ações Afirmativas, Inclusivas e de Diversidade do Campus Erechim

Coordenadora: Claudia Turik de Oliveira

Resumo da Proposta: Este evento é uma ação de extensão organizada pelos Núcleos estabelecidos no campus Erechim: NAPNE (Núcleo de Atendimento à Pessoas com Necessidade Específicas), NEABI (Núcleo de Estudos Afro-brasileiros e Indígenas), NAC (Núcleo de Arte e Cultura), NEA (Núcleo de Estudos em Agroecologia, Segurança Alimentar e Nutricional e Educação Ambiental), NuMem (Núcleo de Memória) e NEPGS (Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Sexualidade) que está em sua quarta edição. Trata-se de uma atividade de caráter educativo, social e científico, com objetivo de promover um espaço de discussão sobre temáticas relacionadas a ações afirmativas, inclusivas e de diversidade. Promovendo também a visibilidade do núcleos, assim como de suas ações e temáticas no âmbito da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão.

 

12ª Jornada de Ensino, Pesquisa e Extensão (JEPEx) e 6ª Mostra Cultural, Científica e Tecnológica do Campus Erechim do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS)

Coordenadora: Natalie Pacheco de Oliveira

Resumo da Proposta: O presente evento é uma ação de extensão de caráter educativo, social, cultural, científico e tecnológico cujo objetivo é contribuir para a difusão do conhecimento científico produzido nas dimensões do ensino, da pesquisa e da extensão que permita a divulgação, promoção, discussão e acompanhamento dos projetos desenvolvidos por servidores e estudantes do IFRS Campus Erechim. Especificamente, objetiva estimular os bolsistas e estudantes voluntários a apresentarem seus projetos de ensino, pesquisa e extensão com a finalidade de promover a iniciativa, a criatividade e a inovação, assim como a preocupação com o meio no qual estão inseridos. Este evento envolverá a comunidade interna e externa em sessões de apresentações orais de projetos de ensino, pesquisa e extensão e palestra de abertura, além de apresentação cultural. Os trabalhos de ensino, pesquisa e extensão deverão estar relacionados aos Projetos cadastrados no Sistema de Informação e Gestão de Projetos (SigProj) do IFRS, cuja submissão e apresentação serão realizadas pelos bolsistas dos respectivos projetos. As atividades de ensino também se referem a toda e qualquer ação realizada em sala de aula envolvendo produção científica e tecnológica, cujo estudante e seu professor tenham interesse em divulgar à comunidade. Os participantes serão certificados de acordo regras do regimento do evento. Corroborará com o evento o NAC (Núcleo de Arte e Cultura) com a organização das apresentações culturais e o NuMem (Núcleo de Memória) com a apresentação do concurso de fotografias.

 

 

PROJETOS

 

Vem pro IF

Coordenador: Eduardo Fernandes Sarturi

Resumo da Proposta: Este projeto tem o objetivo de divulgar o IFRS/Campus Erechim, como instituição de ensino, pesquisa e extensão, através de ações que envolvam escolas municipais e estaduais do município de Erechim e da região, bem como a comunidade em geral. As ações incluem visitas a escolas, entidades representativas de indústria, comércio, sindicatos, movimentos sociais, organizações não-governamentais (ONG’s), setor de serviços, prefeituras, e a organização de uma agenda para a visitação ao IFRS/Campus Erechim.

 

Assessoria Empresarial à Micro e Pequena Empresa: Um estudo piloto para a curriciularização da extensão no Curso de Administração IFRS – Campus Erechim

Coordenadora: Silvana Saionara Gollo

Resumo da Proposta: O presente projeto tem por objetivo desenvolver um estudo empresarial em uma empresa do setor cafeeiro, para auxiliá-la no processo de crescimento e maior visibilidade no setor. Para atingir o objetivo será realizada uma pesquisa qualitativa e exploratória, no qual utilizará dados secundários, visando diagnosticar e entender a cadeia produtiva do setor cafeeiro, no mercado nacional e mundial. Será realizado também um estudo de caso, no qual utilizará dados primários, visando diagnosticar a realidade empresarial, por meio da entrevista em profundidade, com roteiro previamente elaborado pelos estudantes. A empresa demandante do presente projeto é a Cafés Alto Uruguai, que se localiza no interior de Gaurama, distrito de Balisa, no Rio Grande do Sul. Todas as etapas de pesquisa serão desenvolvidas por estudantes do Curso de Administração do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) – Campus Erechim, com acompanhamento e orientação das professoras das disciplinas de Atividades de Extensão e Introdução ao Marketing. O presente projeto represente uma ação de extensão e reforçará a relação teoria-prática no ensino da administração. Neste sentido, os estudantes deverão aplicar os conhecimentos adquiridos nas disciplinas, e em conjunto com os professores, elaborar os questionários de cada etapa, aplicá-los na empresa e analisar os resultados e propor melhorias às ações empresariais. Os estudantes deverão elaborar um relatório do estudo de caso, que deverá ser entregue e apresentado à empresa envolvida no projeto. Espera-se que essa ação extensionista seja um protótipo e gere conhecimentos para a curricularização da extensão no Curso de Administração.

 

Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANC): estudo, aplicação e apresentação em Mostra Científica

Coordenadora: Valéria Borszcz

Resumo da Proposta: Plantas Alimentícias não Convencionais (PANC) é o temo utilizado para definir partes de plantas como raízes, caules, tubérculos, talos, folhas, brotos, flores, frutos, sementes que muitas vezes são utilizadas para consumo humano e consideradas como pragas. Mostra Científica são espaços escolares que envolvem alunos, de qualquer nível de ensino, em uma exposição pública de projetos científicos. Frente a isso, este projeto tem por objetivo auxiliar um grupo de estudante do terceiro ano do Ensino Médio da Escola Estadual Ensino Médio Dr. João Caruso localizada na cidade de Erechim/RS no estudo e desenvolvimento de produtos utilizando PANC, que será apresentado na Mostra de Ciência que ocorrerá no dia 15 (quinze) de junho de 2023. O estudo será embasado na(s) planta(s) escolhida(s) pelo grupo e a aplicação será em preparações de alimentos. Troca de informações sobre a composição nutricional, método de plantio e efeitos fitoterápicos das plantas será compartilhado. Os produtos serão elaborados na Usina Piloto de Panificação do Bloco 3, do IFRS Campus Erechim, seguindo as recomendações sobre alimentos seguros. Encontros serão agendados e um grupo, em aplicativo de mensagem, será formado pela professora orientadora. Pretende-se com esse projeto um bom planejamento das atividades que serão apresentadas e que as informações obtidas contribuam para o processo de ensino e aprendizagem das alunas, bem como para o desenvolvimento de habilidade e competências importantes para formação escolar, científica e cidadã do estudante.

 

Núcleo de Arte e Cultura (NAC) do IFRS – Campus Erechim em Ação

Coordenadora: Wladia Raianny Melo Queiroz

Resumo da Proposta: Este projeto é uma ação de extensão de caráter social, cultural, educacional, científico e tecnológico. Tem o intuito de difundir e contribuir com a arte e a cultura, na qual envolve a criação de oportunidades para os bolsistas, estudantes voluntários, a comunidade interna e externa. As atividades propostas incluem apresentações e criação de eventos, projetos de ensino, pesquisa e extensão, além de outras atividades que estimulem a criatividade e a colaboração entre todos os envolvidos. O intuito é oferecer uma experiência de aprendizado única, que fortaleça o conhecimento e as habilidades dos participantes já que no Campus Erechim carece de ações que visem incentivos a cultura e a arte. Ademais, as ações culminarão em uma amostra
artística e cultural ao final do ano letivo.

 

Rotulagem Nutricional de Alimentos: uma proposta para agricultura familiar da região do Alto Uruguai Gaúcho.

Coordenadora: Valéria Borszcz

Resumo da Proposta: A rotulagem oferece ao consumidor informações sobre o produto, define escolha alimentares e proporciona credibilidade aos fabricantes. Alimentos embalados na ausência do consumidor deve conter indicações importantes como prazo de validade, instruções de uso e informações nutricionais do alimento. A rotulagem nutricional, no Brasil, é regulamentada pela Agência Nacional da Vigilância Sanitária (ANVISA), que estabelece quais as informações devem constar nos rótulos dos alimentos, visando garantir a qualidade do produto e a saúde da população. Frente a isso, está sendo proposto, por estudantes matriculados no componente curricular de Projeto de Extensão I, do curso de Engenharia de Alimentos, a realização da rotulagem nutricional de cinco produtos alimentícios elaborados por agroindústrias pertencentes a região do Alto Uruguai Gaúcho. AgroMarchetto, Comércio de Embutidos de Carne Mariga, Lactos Rosset, Panificadora Ideal e Queijaria Petzhold serão as agroindústrias participantes, das quais serão realizadas análises de composição nutricional dos respectivos produtos: compota de figo, embutido, queijo colonial, cuca alemã e queijo mussarela. Além das análises laboratoriais de umidade, cinzas, fibras, proteínas e lipídios, cálculos indiretos serão realizados, a partir de informações obtidas de laudos técnicos, método de fabricação e tabelas de banco de dados nutricionais. As normas, para compor a rotulagem nutricional de cada alimento seguirá as recomendações imposta pela legislação brasileira (RDC no 429/2020 e a IN no 75/2020). Após a análise dos resultados, será avaliada a necessidade da declaração da nutricional frontal, onde indicará se o alimento é constituído por alto teor de
açúcares adicionados, gorduras saturadas e sal. O cumprimento às regulamentações beneficiará tanto os estudantes e futuros engenheiros de alimentos, pois desenvolverão habilidades e competências para atuar no mundo do trabalho, quanto a própria agroindústria, que necessita de adequação de seus produtos às novas normas de rotulagem nutricional até outubro de 2024.

 

Instabilidade na coloração de massas alimentícias congeladas: Estudo de caso

Coordenadora: Valéria Borszcz

Resumo da Proposta: A aparência de um produto é um fator preponderante para sua aceitabilidade, sendo a cor uma das características relevantes, tanto para alimentos naturais como processados. Para obter a coloração amarela do pigmento luteína presente em farinha de trigo da espécie Triticum durum, as empresas utilizam nas formulações de massas alimentícias farinha do trigo da espécie Triticum aestivum, adicionados de corantes naturais provenientes do ovo (luteína) e de plantas como urucum (bixina) e açafrão da terra (curcumina). Pigmentos naturais são instáveis a diferentes fatores como a presença de oxigênio, variação de temperatura e incidência de luz. Agnoline, agnolini ou capeletti é um tipo de massa alimentícia recheada produzida e consumida em região de colonização italiana. A empresa João das Massas, localizada na cidade de Erechim/RS, produz agnoline em três variações de recheios (frango, carne e calabresa), mantendo-o sob congelamento em toda cadeia de armazenamento e comercialização. Durante o período de armazenamento sob congelamento ocorre a perda da pigmentação amarela. Frente a isso, pretende-se avaliar as causas de perda da coloração de massas de agnoline congeladas produzida pela empresa João das Massas. Experimentos consecutivos serão realizados para verificar as possíveis causas desta anomalia e para manter a qualidade e estabilidade do produto, desde o início do processo de fabricação até o data de validade. Considerando que é possível identificar as causas do problema, espera-se obter êxodo na realização do presente trabalho, bem como, criar demandas futuras.

 

MICRÓBIOS: Disseminando conhecimento em Microbiologia de Alimentos

Coordenadora: Priscilla Pereira dos Santos

Resumo da Proposta: A microbiologia de alimentos é fundamental na vida das pessoas, pois desempenha um papel crucial na garantia da segurança alimentar e na prevenção de doenças transmitidas por alimentos. Ela abrange o estudo minucioso dos microrganismos presentes nos alimentos, permitindo a compreensão dos processos de deterioração, a identificação de agentes patogênicos e o estabelecimento de práticas adequadas de armazenamento, processamento e manipulação de alimentos, assegurando assim a saúde e o bem-estar de todos os consumidores. Por isso, o seguinte trabalho tem por objetivo realizar a divulgação de conteúdos relacionados à disciplina de Microbiologia de Alimentos de forma simples e objetiva, com foco na comunidade externa sem conhecimento prévio da microbiologia. A partir deste projeto, espera-se divulgar conteúdos relevantes sobre a microbiologia de alimentos de maneira que a comunidade externa tenha acesso a informação de forma acessível e de fácil compreensão, através da curricularização da extensão. Com isso, é esperado um aumento da conscientização sobre a importância da microbiologia de alimentos e sua influência na segurança alimentar, garantindo que a divulgação atinja pessoas com diferentes origens e níveis de conhecimento. Além do conteúdo trabalhado na rede social, será realizado um encontro via Google Meet com os interessados em conhecerem mais sobre microbiologia.

 

 

 

 

Ações de anos anteriores:

 

Última atualização em 28/11/2023

Fim do conteúdo