Início do conteúdo

IFRS Campus Ibirubá vence 10ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária


A equipe Céu Azul, do Campus Ibirubá do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS), conquistou medalha de ouro na 11ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária (Obap). O grupo é composto pelos estudantes Natália Adam, Vitor Cossul e Henrique Simon, do terceiro ano do curso Técnico em Agropecuária Integrado ao Ensino Médio, coordenados pela professora Bruna Dalcin Pimenta. Essa é a segunda vez consecutiva que o Campus Ibirubá conquista o ouro na Olimpíada (leia mais sobre a primeira vez em IFRS Campus Ibirubá vence 10ª Olimpíada Brasileira de Agropecuária)

Confira o depoimento dos participantes

A Professora Bruna Dalcin Pimenta destacou que “a Olimpíada Brasileira da Agropecuária (OBAP) foi um evento Internacional com muitas experiências valiosas. Em primeiro momento, foi realizada uma prova teórica online, a qual constou de todo o conteúdo que os estudantes visualizam no Curso Técnico em Agropecuária. Nessa etapa, nossa equipe, denominada Céu Azul, ficou em 1º lugar geral entre mais de 900 equipes inscritas. A segunda etapa foi realizada em formato presencial na cidade de Jundiaí/SP, na qual os estudantes realizaram outra prova teórica e mais três provas práticas que abordam temas importantes na área do Técnico em Agropecuária: inseminação artificial, regulagem de semeadora e fertilizante e levantamento topográfico planialtimétrico. Além da abordagem competitiva da OBAP, o evento foi de extrema grandeza para a troca de experiências e conhecimentos entre mais de 15 Estados brasileiros e 3 países, sendo Uruguai, Paraguai e Argentina como participantes. O sentimento é de grande satisfação e gratidão por participarmos desse momento, o qual, com certeza, não será esquecido pelos que lá estiveram, como pode ser notado nos depoimentos dos alunos participantes e vencedores de medalha de ouro na OBAP 2022”.

A estudante Natália Sornberger Adam relatou que “a experiência pessoal foi maravilhosa, desde a primeira etapa até o resultado final. As amizades e o vínculo com a equipe é inexplicável, além da sensação de ter o nome da sua equipe chamado ao palco, a vibração é gigantesca. Claro que ganhar é incrível, contudo, só pela experiência vivida já é uma conquista. Foram momentos maravilhosos que jamais esquecerei, desde conhecer um lugar
novo e fazer muitas amizades, os maravilhosos conhecimentos que adquiri em todo o processo foram de vasta sabedoria. Ademais, poder levar o nome do IFRS- Campus Ibirubá para o mundo é muito gratificante, ver o quanto nosso Campus é forte e ter orgulho de estudar nessa instituição. Agradecer a todos que nos apoiaram em tudo e principalmente a minha equipe e a professora Bruna que não mediu esforços”.

O estudante Henrique Simon também compartilhou que participar da OBAP foi uma experiência muito boa. “Foram vários tipos de emoções: ansiedade pela saída dos resultados; adrenalina, enquanto fazíamos as provas; felicidade, primeiro, pela classificação, e, depois, pelo título. Além de tudo isso, levar o nome do nosso Campus e de nossas cidades a uma competição internacional é um orgulho para mim. Também, ver o quanto nosso Campus é qualificado e forte, e poder demonstrar à população de nossa região que o IFRS é uma grande oportunidade de estudo e de crescer na vida”.

O estudante Vítor Cossul destacou “estou muito feliz de ter participado dessa olimpíada, e pela oportunidade oferecida pelo IFRS. Temos só a agradecer aos nossos diretores e professores por nos ter motivado a ir para a segunda fase. Também temos a agradecer a nossa orientadora professora Bruna, que nos auxiliou bastante em diversos conteúdos. Para mim, a OBAP foi uma experiência muito incrível, pois aprendi muitas coisas, fiz muitas amizades, nos esforçamos ao máximo e mostramos o nosso conhecimento da área. Gostaria de agradecer também a todos que nos apoiaram e incentivar os nossos colegas que estarão no curso no próximo ano para que tenha novamente equipe do nosso Campus lá concorrendo na fase presencial em busca do tri campeonato”.

Fim do conteúdo