Pular para o conteúdo
Logo do IF

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Início da navegação
IFRSMarca do Instituto Federal do Rio Grande do Sul
 Esconder/Mostrar Menu Fim da navegação
Início do conteúdo

Abertas inscrições do Processo Seletivo de estudantes do IFRS


O Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS) está oferecendo mais de 4.500 vagas em cursos técnicos e superiores gratuitos em Erechim e mais 15 municípios do Estado, com aulas a partir do primeiro semestre de 2019. Para ingressar, é preciso participar de um processo de seleção (veja abaixo como funciona, conforme a modalidade). As inscrições são online e estão abertas até o dia 7 de novembro de 2018, pelo site ingresso.ifrs.edu.br. O Campus Erechim (Rua Domingos Zanella, 104, Três Vendas) disponibiliza computador conectado à internet para os candidatos que necessitarem.

A taxa de inscrição da seleção custa R$ 35,00 (trinta e cinco reais) para os cursos técnicos e R$ 50,00 (cinquenta reais) para os cursos de graduação. No Campus Erechim, são ofertadas um total de 338 vagas em cursos técnicos (concomitante e subsequentes ao Ensino Médio) e também cursos de graduação (bacharelados e superiores de tecnologia), conforme quadro abaixo:

Campus Erechim (Rua Domingos Zanella, 104 – Bairro Três Vendas – Erechim)

Engenharia de Alimentos Superior Noite 30 vagas
Engenharia Mecânica Superior Manhã e Tarde 50 vagas
Tecnologia em Design de Moda Superior Tarde 32 vagas
Tecnologia em Marketing Superior Noite 50 vagas
Técnico em Alimentos Subsequente ao Ensino Médio Noite 32 vagas
Técnico em Finanças Subsequente ao Ensino Médio Noite 40 vagas
Técnico em Informática Concomitante ao Ensino Médio Tarde 32 vagas
Técnico em Logística Subsequente ao Ensino Médio Noite 40 vagas
Técnico em Mecânica Subsequente ao Ensino Médio Noite 32 vagas

Os documentos com as orientações e o detalhamento do processo (editais) e todas as novidades podem ser acompanhados pelo site ingresso.ifrs.edu.br. As provas serão aplicadas em 2 de dezembro de 2018.

Como funciona a seleção:

Cursos técnicos concomitantes ao Ensino Médio (Técnico em Informática)

Os cursos concomitantes oferecem formação técnica profissional para os alunos que estão cursando o Ensino Médio em outra instituição de ensino e desejam complementar a formação.

exame de seleção para essa modalidade constitui-se de prova com 40 questões objetivas que visa à avaliação dos conhecimentos adquiridos pelos candidatos nas matérias do núcleo comum do Ensino Fundamental (Matemática, Ciências da Natureza, Ciências Humanas e Língua Portuguesa).

Cursos técnicos subsequentes ao Ensino Médio (Técnicos em Alimentos, Finanças, Logística e Mecânica)

Os cursos subsequentes oferecem formação técnica profissional para os alunos que já concluíram o Ensino Médio.

No momento de inscrever-se para essa modalidade no processo seletivo, o estudante pode optar por uma das alternativas: ingresso mediante “prova e nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)”; apenas por “nota do Enem”; ou “somente prova”. No caso de optar pela nota do Enem, ele deve indicar o ano que deseja o aproveitamento (de 2013 até o atual – 2018). No caso de optar pela prova, o candidato vai prestar um exame de seleção com 40 questões objetivas que visam à avaliação dos conhecimentos adquiridos pelos candidatos nas matérias do núcleo comum do Ensino Médio (Matemática e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; Linguagens, Códigos e suas Tecnologias).

Cursos superiores (Engenharia de Alimentos, Engenharia Mecânica, Tecnologia em Design de Moda e Tecnologia em Marketing)

Os cursos superiores têm como pré-requisito para ingresso o Ensino Médio concluído.

Na hora de inscrever-se no processo seletivo para um curso superior, o estudante pode optar por uma das alternativas: ingresso mediante “prova e nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem)”; apenas por “nota do Enem”; ou “somente prova”. No caso de optar pela nota do Enem, ele deve indicar o ano que deseja o aproveitamento (de 2013 até o atual – 2018). Ao optar pela prova, o candidato deverá prestar um exame com uma prova de redação e 45 questões objetivas (Matemática e suas Tecnologias; Ciências da Natureza e suas Tecnologias; Ciências Humanas e suas Tecnologias; Linguagens, Códigos e suas Tecnologias – incluindo questões de língua inglesa ou língua espanhola), que visam à avaliação dos conhecimentos adquiridos pelos candidatos nas matérias do núcleo comum do Ensino Médio.

Vale lembrar que o IFRS não participa mais da seleção pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu).

Fim do conteúdo
Início do rodapé Fim do rodapé