Pular para o conteúdo
Logo do IF

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul

Início da navegação
IFRSMarca do Instituto Federal do Rio Grande do Sul
 Esconder/Mostrar Menu Fim da navegação
Início do conteúdo

Reitor do IFRS visita Campus Ibirubá e participa de Sessão da Câmara de Vereadores


O Campus Ibirubá recebeu a visita do Reitor e Pró-reitores do IFRS nos dias 8 e 9 de outubro. A atividade faz parte de uma ação da reitoria que visa conhecer e integrar os campi do IFRS. Vieram até o Campus o Reitor Júlio Xandro Heck, o Pró-reitor de Desenvolvimento Institucional, Amilton Figueiredo, o Pró-reitor de Pesquisa, Pós Graduação e Inovação, Eduardo Girotto, a Pró-reitora Adjunta de Desenvolvimento Institucional, Letícia Martins, o Pró-reitor de Ensino, Lucas Coradini, a Pró-reitora de Extensão Marlova Benedetti, a Pró-reitora de Administração, Tatiana Weber e o Diretor de Gestão de Pessoas, Marc Emerin.

Na segunda-feira a noite ocorreu uma sessão da Câmara de Vereadores, onde foi aberto espaço para o Campus Ibirubá divulgar suas atividades em ocasião dos 10 anos dos Institutos Federais. Como o Campus tem apenas 9 anos em Ibirubá, e a Câmara presta homenagem às entidades municipais apenas em comemoração de aniversários múltiplos de 10, não ocorreu a sessão solene, apenas a apresentação da instituição. No evento estiveram presentes o Reitor Júlio Xandro Heck, a Diretora-Geral Migacir Trindade Duarte Flôres, demais Pró-reitores e servidores do Campus.

Durante seu discurso na sessão, Júlio iniciou comentando a respeito da história dos IFs e destacou a qualidade do ensino, ressaltando que boa educação se faz com investimentos, tanto em infraestrutura quanto em pessoal e que o IFRS só alcança bons resultados porque tem profissionais bem capacitados e remunerados. A participação completa do reitor pode ser vista nesse link.

A segunda parte da divulgação foi feita pela Diretora-Geral Migacir, que explicou que o IFRS é uma instituição multicampi com mais de 25 mil estudantes e presente em 16 municípios do Rio Grande do Sul. Em seguida, trouxe dados sobre o Campus Ibirubá, que possui uma área de 101 hectares e mais de mil alunos em seus dez cursos, que vão desde o nível técnico até a pós-graduação. Migacir destacou que em 2018 estão em funcionamento no Campus 28 projetos de extensão, 40 projetos de pesquisa e 10 projetos de ensino coordenados pelos 66 professores e 54 técnicos administrativos que formam o quadro de pessoal. Ao final, a diretora ainda agradeceu o empenho da comunidade ibirubense para que houvesse um IF na cidade.

No dia seguinte, terça-feira, o Reitor e pró-reitores permaneceram no Campus Ibirubá, para então conversar com os estudantes e servidores em reuniões que ocorreram durante toda a manhã. Na ocasião, a Pró-reitora de administração, Tatiana Weber, realizou uma apresentação sobre o orçamento do IFRS, explicando que esse é calculado, dentre outros fatores, em função do número de alunos. Ela destacou os valores repassados para a instituição estão diminuindo desde 2015, por exemplo, o Campus Ibirubá contava com orçamento de aproximadamente 3 milhões de reais para atender 600 alunos em 2015, já em 2018, para atender praticamente o dobro de alunos, o orçamento é de pouco mais de 2 milhões. Após essa explanação, o Reitor abriu espaço para perguntas e enfatizou que os estudantes e servidores devem participar da elaboração do PDI para darem voz às reivindicações.

À tarde, a comitiva ainda realizou um encontro com o Grêmio Estudantil para conhecer melhor a estrutura e as ações da equipe, dando a oportunidade de os estudantes ficarem mais próximos à equipe diretiva da instituição. Por fim, em um passeio na área agrícola, a equipe conheceu toda a diversidade e organização dos cursos agrícolas e, por fim, visitaram o prédio de laboratórios da Mecânica e Eletrotécnica, que teve a obra paralisada por falta de recursos, mas que em breve será retomada e concluída, fornecendo mais espaço para as ações de todos os cursos.

Fim do conteúdo
Início do rodapé Fim do rodapé