Início do conteúdo

Ações Inclusivas

Para cumprir os princípios e diretrizes norteadores da Política de Ações Afirmativas (disponível abaixo) do IFRS e, bem como as legislações relacionadas ao tema, foi instituída pelo IFRS a Assessoria de Ações Inclusivas. Sua finalidade é promover a cultura da educação para a convivência, a defesa dos direitos humanos, o respeito às diferenças, a inclusão, permanência e saída exitosa de pessoas com necessidades educacionais específicas para o mundo do trabalho, a valorização da identidade étnico-racial, a inclusão da população negra e da comunidade indígena, em todos os setores, combate à homofobia, buscando a remoção de todos os tipos de barreiras e formas de discriminação.

Nos campus, os Núcleos (Napne, Neabi e Nepges) são os responsáveis por promover essas ações de inclusão. Confira abaixo mais informações sobre cada um dos Núcleos.

 

>> Legislações Pertinentes

– Declaração de Salamanca – Sobre Princípios, Políticas e Práticas na Área das Necessidades Educativas Especiais.

– Declaração Mundial sobre Educação para Todos – satisfação das necessidades básicas de aprendizagem

– Decreto 7.611/2011 – Dispõe sobre a educação especial, o atendimento educacional especializado e dá outras providências.

– Lei 12.319/2010 – Regulamenta a profissão de Tradutor e Intérprete da Língua Brasileira de Sinais LIBRAS.

– Lei 10.436/2002 – Dispõe sobre a Língua Brasileira de Sinais – Libras e dá outras providências.

– Política Nacional de Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva

– Política de Ações Afirmativas do IFRS

Fim do conteúdo