Início do conteúdo

Centro Tecnológico de Acessibilidade – CTA


O CTA surgiu a partir do antigo PAV – Projeto de Acessibilidade Virtual, criado em 2006 pela SETEC/MEC (Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação) junto à RENAPI – Rede Nacional de Pesquisa e Inovação em Tecnologias Digitais. Com a extinção da RENAPI, em 2012, o Projeto foi institucionalizado no âmbito do IFRS pela Portaria n° 221, ficando assim vinculado a Pró-Reitoria de Extensão na Assessoria de Ações Inclusivas.

Em 2015, o PAV deixa de ser um projeto e transforma-se em um Centro de Referência em Tecnologia Assistiva e Acessibilidade, passando a ser denominado CTA – Centro Tecnológico de Acessibilidade do IFRS, tendo sua criação e atuação regulamentada pela portaria nº 1153/2015 e pela instrução normativa IN/PROEX nº 10/2015 respectivamente.

O CTA é o setor responsável por propor, orientar e executar ações de extensão, pesquisa e desenvolvimento em acessibilidade arquitetônica, instrumental, comunicacional, programática, metodológica, atitudinal e recursos de tecnologia assistiva no IFRS.

Dentre as principais competências do CTA, destacam-se:

  • Desenvolvimento de metodologias para a implementação de soluções acessíveis para pessoas com deficiência;
  • Produção de Tecnologia Assistiva de baixo custo;
  • Criação de sites, portais e sistemas web acessíveis;
  • Realização de avaliação de acessibilidade virtual;
  • Construção de materiais didático-pedagógicos acessíveis/adaptados;
  • Promoção de cursos, capacitações, palestras e oficinas.

 

Contatos:

 

Fim do conteúdo